Como melhorar suas habilidades de guest post

0

Sem dúvida, o guest blogging é um dos truques mais eficientes para promover bens, serviços e marca pessoal para um público mais amplo. É bastante vantajoso tanto para o proprietário do site quanto para o blogueiro convidado, já que o primeiro faz uma pausa na escrita de artigos enquanto mantém a programação, enquanto o último promove seus serviços, aumenta a classificação nos mecanismos de pesquisa e atrai novos visitantes.

Bem, não é tão fácil conseguir essa oportunidade, especialmente se você vai contribuir para o recurso credível enquanto o seu ainda é desconhecido. Embora você tenha poucas chances, isso não é impossível se a postagem do blog for de alta qualidade, relevante, cativante e exclusiva.

Em um ambiente altamente competitivo, você precisa trabalhar constantemente em suas habilidades. Confira as dicas abaixo e alcance os melhores blogs, sendo um verdadeiro guru do guest post.

1 Relevância da Ideia

A primeira e mais importante regra de guest blogging é que o guest post deve corresponder ao tópico do site. Por um lado, restringe o número de sites nos quais você pode postar; por outro lado; você obtém o público relevante que provavelmente lerá a peça e se interessará por você, caso a postagem seja digna.

Às vezes, é bastante desafiador propor um tópico para satisfazer o proprietário do site e fazer uma pesquisa aprofundada e fundamentada. Bem, se você está em tal crise, as próximas ideias estão ao seu serviço:

  • Postagem informativa. Informe os leitores sobre um determinado termo ou fenômeno ou forneça uma resposta detalhada a uma pergunta específica. Você pode escrever uma postagem no estilo de enciclopédia ou estilo livre, dependendo das especificidades do site.
  • Guia. Um gênero bastante popular, que sempre atrai um grande número de público. A missão é fornecer aos leitores um plano passo a passo que os ajudará a alcançar este ou aquele resultado. Bem, o alfa e o ômega aqui são para fornecer uma sequência de ações consistente e sem erros; caso contrário, você receberá reprovações em vez de gratidão.
  • Classificação. Compartilhe as variedades do objeto e forneça informações concretas e úteis sobre cada um, apoiadas por ilustrações e exemplos específicos.
  • Revisão. A melhor prática é escolher algum serviço online útil, programa de afiliados, pacote de software aplicativo, etc. e analisá-lo de A a Z. Defina uma tarefa para fornecer aos leitores informações abrangentes e obter pelo menos perguntas possíveis.
  • Comparação. Na verdade, você faz uma revisão paralela de vários programas, serviços, etc., especificando suas características gerais e distintivas. Não tire conclusões a favor deste ou daquele produto – isso é prerrogativa dos leitores.
  • Notícias. Se você tem alguma notícia quente que deve ser compartilhada com o mundo, não hesite em perguntar ao anfitrião sobre isso. Claro, o principal é publicar novos materiais que ainda não foram anunciados. Se você for o primeiro – o trabalho está feito!
  • Entrevista. Não vamos entrar em detalhes porque é óbvio que o sucesso da entrevista depende das perguntas escolhidas.
  • História. Duvido que o dono do blog permita que você compartilhe a história pessoal de sua marca/produtos/serviços (até que o post seja pago), mas você pode conseguir postar algum instrutivo e esclarecedor, alertando os leitores ou explicando-lhes como agir em uma determinada situação.
  • Classificação. Obviamente, esse é o tema mais popular do YouTube. Hoje em dia, o YouTube está cheio de paradas diferentes. O melhor, o pior, o mais barato, o mais forte, o maior, o mais chocante, etc. Via de regra, o público aprecia gentilmente esse tipo de postagem.
  • Prós e contras. A tarefa é quase a mesma da postagem do blog "Comparação". Tente ser justo e objetivo para não deixar o leitor com a impressão de que você anuncia de forma intrusiva ou joga lama em alguém.
  • Métodos/Dicas/Conselhos. Aqui você pode compartilhar sua visão pessoal do problema e dar alguns conselhos sobre a solução. Lifehacks são bem-vindos!
  • Divulgação. Nesse tipo de postagem, você expõe algumas notícias inverídicas, mitos e até ações nocivas de indivíduos específicos. Devo dizer que esse gênero é muito difícil, pois você corre o risco de acumular concorrentes e inimigos. Não embeleze ou deturpe os fatos.
  • Experiência Pessoal. Conte sobre seus experimentos, tanto bem-sucedidos quanto francamente fracassados. Isso é sempre interessante.

Se você já tem um público fiel, certifique-se de pegar suas dicas para novas postagens. Continue estudando e pesquisando, e você encontrará um número infinito de tópicos que pode abordar. Vá mais fundo e escreva mais do que postagens perspicazes!

2 Estilo de escrita e formatação

Cada blogueiro tem um estilo de escrita único. Alguém escreve muito, alguém – apenas in re, alguém – em uma linguagem suja. Não tenha medo de mostrar seu estilo pessoal. A diversidade contribui para a percepção de todo o blog, pois os leitores regulares podem se cansar de contemplar um e o mesmo estilo. No entanto, atenha-se às regras e regulamentos estabelecidos. Certifique-se de verificar as diretrizes antes de começar a escrever.

Para aprimorar seu estilo de escrita e tornar a postagem mais atraente, tente:

  • Coloque uma citação no topo.
  • Escreva uma introdução intrigante; trazer alguns fatos ou estatísticas fascinantes.
  • Varie frases longas e curtas.
  • Use listas com marcadores e formate o papel para facilitar a percepção.
  • Use corretores ortográficos e software especial para eliminar erros de digitação.
  • Remova frases sem sentido.
  • Deixe sua palavra de lado por um tempo e depois edite-a.
  • Leia a peça em voz alta.
  • Compartilhe com sua família e amigos para obter algumas dicas.

Veja as postagens de convidados mais populares no site e tente manter o mesmo formato e estilo. Preste atenção ao tamanho dos parágrafos, cabeçalhos e imagens. Certifique-se de que as imagens correspondam ao conteúdo do papel, tenham uma largura apropriada e sejam rotuladas para reutilização. Sinta-se à vontade para incluir capturas de tela de artigos e guias de "como fazer".

3 Edição antes da publicação

Tudo depende do dono do site (editores/gerentes). Esteja pronto que sua postagem será editada e alterada antes da aprovação. Em primeiro lugar, pode ser feito para melhorar a eficácia do artigo – os editores podem criar cabeçalhos ou subtítulos mais atraentes, destacar certas palavras e frases, incluir imagens, remover “questões controversas" etc. Portanto, não se ofenda se isso acontecer, mesmo que você acredite que sua peça é perfeita.

4 backlinks

É claro que o autor do guest post deve receber algum benefício da publicação. Portanto, como regra, é permitido colocar de 1 a 3 referências a um projeto que você gostaria de promover. Certifique-se de que os links agreguem algum valor ao artigo e pareçam relevantes. Links puramente promocionais costumam causar irritação e sensação de imposição.

Se você deseja promover com segurança, especifique que o artigo é um guest post no primeiro capítulo e adicione um link para seu blog pessoal.

5 Evitando Erros Típicos

Se todo o processo – desde a solicitação até a publicação – for executado sem problemas, você terá uma grande chance de se tornar um colaborador regular. Bem, mesmo que você não tenha contado com isso, por que se recusar a manter contato com o público do site confiável?

Aqui estão alguns dos erros comuns cometidos por blogueiros novatos e experientes:

  • Inquérito não pessoal. Tudo começa com o envio do pedido. Se a mensagem começar com uma saudação impessoal, o destinatário pode considerar a carta como spam. Certifique-se de incluir o nome da empresa para a qual está escrevendo e será tratado como um profissional.
  • Erros de impressão e erros gramaticais. Se você não pode escrever uma oferta profissional, por que o editor do blog decidiria que a carta seria melhor? Reserve um tempo para preparar propostas ou contratar um editor.
  • Tópicos que já foram abordados. Sugerir um artigo sobre um tema que já foi abordado é o caminho mais curto para perder a oportunidade de publicar. Faça uma pesquisa antes de enviar sua lista de temas. Se você deseja postar sobre um determinado tópico para melhorar a emissão de palavras-chave, consulte o site para ver quais artigos sobre o tópico selecionado já foram publicados.
  • Subestimar seu talento. Use suas habilidades de marketing! Mostre-se na melhor luz; apontar as principais vantagens e expor os principais motivos para considerá-lo como autor do blog. Venda-se! Se você tem um blog de sucesso ou é popular nas redes sociais, não deixe de compartilhar essas informações na oferta.
  • Biografia pobre. Atenha-se ao guia para blogueiros convidados. Como regra, uma biografia deve incluir algumas frases que descrevam vividamente o blogueiro. Trate esta informação como um passo de elevador.

Certifique-se de discutir todos os termos e condições, bem como a data exata da publicação antes de enviar a postagem para aprovação. Postagens de convidados bem escritas irão acelerar significativamente a indexação do seu site e aumentar a confiança aos olhos dos motores de busca e visitantes.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Consulte Mais informação